Mais Floresta Logo Mais Floresta

 

Banco de Currículos

MARIA FERNANDA DE LIMA RIBEIRO MARQUES

Idade: 33
Setor:
Cargo: Engenheiro Ambiental,Segurança do Trabalho,Analista de Gestão Ambiental
Escolaridade: Pós-graduado
Salário: Em Aberto
Cidade: Campo Grande - MS
Formação e cursos:
Engenharia de Segurança Do Trabalho - Universidade Candido Mendes – UCAM
Engenharia Sanitária e Ambiental - Universidade Católica Dom Bosco – UCBD
Engenharia de Produção - Universidade Candido Mendes – UCAM. (Maio/18)

Experiência:
*BUNGE – PEDRO AFONSO AÇÚCAR E BIONERGIA (Pedro Afonso/TO e Dourados/MS). (Período: 2015 à 2016).

- Gestão e Gerenciamento nos processos de Licenciamentos ambientais pelos órgãos competentes e controle de atendimento às condicionantes. Atendimentos aos requisitos legais (Municipal, Estadual e Federal) e suporte ao jurídico para defesas de processos ambientais;
- Execução do Relatório de sustentabilidade anual, baseado nos critérios do Global Reporting Initiative (GRI).
- Apoio técnico para a equipe de reflorestamento (Mapeamento de área, plantio, monitoramento, e atendimento ao órgão ambiental);
- Integrante da equipe de Auditora Interna dos Protocolos Globais Bunge (SGA);
- Gestão de resíduos com elaboração do PGRS (Plano de Gerenciamento de Resíduos Sólidos), Gestão 2015/2016.
- Gerenciamento da equipe de resíduos sólidos, e da Coleta Seletiva realizando vendas de sucatas, devoluções e pagamentos para coleta de Resíduos Classe I pelo sistema SAP (NF-E);

M. DUARTE ENGENHARIA EIRELI - (Dourados, MS).
Empresa de Engenharia especializada em consultoria ambiental e execução de obras de saneamento. – (Período: 2012 a 2014).
- Supervisão e Coordenação de equipe técnica na elaboração de projetos e licenciamento ambiental.
- Desenvolvimento de documentos para atendimentos as legislações (EIA/RIMA; PRAD; PGRS; Tratamento de Efluentes industriais e etc.) e na elaboração de projetos e licenciamento ambiental;

* PROCURADORIA-GERAL DE JUSTIÇA – MINISTÉRIO PÚBLICO DO ESTADO DE MATO GROSSO DO SUL - (CAMPO GRANDE, MS).
Núcleo de Geoprocessamento e Departamento Especial de Apoio às Atividades de Execução – DAEX, no Corpo Técnico Meio Ambiente – C (Período: 2007 a 2012).
- Vistorias Técnicas e Análise de documentos;
- Geoprocessamento e utilização de sistema SIG, nos programas e software PCI GEOMATICA, ENVI, MapInfo, AutoCAP, TrackMaker Pro, ArcView e outros;
- Análises de danos ambientais através de Sensoriamento Remoto na bacia do Córrego Guariroba; Detecção por meio de análise multitemporal de desmatamentos ocorridos na Bacia do Alto Paraguai - BAP;
Competências:
• MASP (Métodos para Solução de Problemas), Ago/16 (SETA / 16 horas) – In Company
• POP + APR (Identificação e Eliminação de falhas Operacionais – Processo e Segurança), Ago/16 (Bunge / 4 horas) – In Company.
• TRATAMENTO E REUSO DE ÁGUAS – ETAR, Mai/16 (Teixeira Pinto / 16 horas)
• NR-20 (Líquidos Combustíveis e Inflamáveis), Mar/16 (PMS Treinamentos (16 horas)).
• NR-23 (Brigada de Incêndio)–Reciclagem, Mar/16 (PMS Centro de Treinamentos/16 horas);
• INSTRUMENTOS DE POLÍTICA E SISTEMAS DE GESTÃO AMBIENTAL, Nov/15 (USP / 10 horas) - EAD
• NR-23 - (Brigada de Incêndio) – Jul/15 – (RTC-Gestão de Risco e Treinamento/ 16 horas);
• CAR – Cadastro Ambiental Rural em face ao novo Código Florestal (Lei 12.651/12). – Set/15 (AEAGRAN e AEAMS, com apoio do CREA-MS / 20 horas).
• Outorga de Direito de uso de Recursos Hídricos– ANA(Agência Nacional de Águas), Mai/12.
• CURSO DE LICENCIAMENTO AMBIENTAL - ACG de Engenheiros Agrônomos. – Out/08
• POLUIÇÃO SONORA - Centro de Estudos e Aperfeiçoamento Funcional, Mar/06.
Informações adicionais:
Artigo publicado: “IDENTIFICAÇÃO DOS IMPACTOS AMBIENTAIS CAUSADOS PELO PARCELAMENTO DE TERRA EM PEQUENAS PROPRIEDADES NO MUNICÍPIO DE JARAGUARI-MS, COM AUXÍLIO DO GEOPROCESSAMENTO.”. I Congresso Baiano de Engenharia Sanitária e Ambiental – 11 a 16 de julho de 2010 – Salvador – BA.